[a caminho] do curral das freiras

O miradouro da Eira do Serrado, situado a 1095 m de altitude, é um dos imperdíveis da ilha da Madeira, de onde conseguimos a fenomenal vista para a aldeia mais isolada da ilha, o Curral das Freiras. Perco-me sempre a imaginar o antigamente, como seria aceder ao coração da ilha, no fundo deste vale rodeado…

na ponta de são lourenço

No extremo oriental da Madeira fica a península de origem vulcânica chamada Ponta de São Lourenço, baptizada assim em honra da caravela de João Gonçalves Zarco, um dos descobridores da ilha da Madeira. É um local de ar agreste e inóspito que contrasta com o resto da ilha e isso deve-se ao clima semiárido e…

[subida e descida] ao paul do mar

Um dos meus sítios preferidos da Madeira é o Paul do Mar, uma vila piscatória no extremo ocidente da ilha que, dada a sua localização entrincheirada entre o mar e as falésias, se manteve inacessível por estrada até ao início da segunda metade do séc. XX e que ainda hoje se mantém como um dos…

os meus outros picos

Há quem vá para a Madeira a pensar nas levadas, ou na poncha, ou na espetada em pau de louro, ou na vida de ilha a saltar de mergulho em mergulho, todas elas ideias maravilhosas. Eu, confesso que fui para a Madeira a pensar na caminhada entre o Pico do Areeiro e o Pico Ruivo….

costa norte

Aqui ficam uns ventos da costa Norte madeirense.   Deslumbrante. Indomesticável.

leva-me às levadas

Desde sempre que a Madeira é considerada um paraíso das caminhadas. Sejam caminhadas em levadas ou cumeadas, andar a pé é uma das melhores maneiras de aceder ao coração da ilha e o boom de natureza que podemos testemunhar faz desta uma das mais exuberantes experiências madeirenses. As levadas são canais de irrigação, construídos e…

do mar

Percorrer a costa Sul e Sudoeste da Madeira é como saltitar entre pequenos paraísos virados para o mar e inundados pelo Sol. Ribeira Brava, Ponta do Sol, Madalena do Mar, Calheta, Jardim do Mar e Paul do Mar são vilas encantadoras, guardadas por falésias íngremes, com jardins coloridos e acesso fácil ao mar. No Jardim…

câmara de lobos

Foi no porto natural em forma de anfiteatro e inserido na baía de Câmara de Lobos, que desembarcou o Sr. João Gonçalves Zarco, o descobridor da ilha da Madeira, em 1419. Aí encontrou uma grande colónia de lobos-marinhos, que deu o nome ao local. Infelizmente, hoje já não encontramos os lobos, mas o porto de…

curral das freiras

A primeira pit stop madeirense é no Curral das Freiras, mais concretamente, no miradouro da Eira do Serrado de onde se tem esta vista para a vila mais isolada da ilha. O Curral das Freiras, aka Nun’s Valley, era uma zona de pastagens (curral) propriedade das freiras do convento de Santa Clara. Sempre foi um local…

terra de funcho

O Funchal já não é a vila de piratas e cultivo de funcho do antigamente. Situada num grande anfiteatro natural, de frente para o azul do Atlântico e rodeada de montanhas dramáticas, o Funchal é na verdade, uma cidade moderna, urbana e cosmopolita, onde pouco se sentem as questões da insularidade. Com um dos principais…

madeira: há mais ilhas no mar

Quando penso em ilhas portuguesas, penso sempre nos Açores do meu coração. Não há volta a dar. Mas entretanto fui desafiada a abrir os meus horizontes atlânticos e finalmente descobri a Madeira. Montanhosa, verde, moderna, aventureira, abençoada pelo Sol, maravilhosa! Sim, há mais ilhas no mar. Stay tunned!