[subida e descida] ao paul do mar

2015-06-10 17.52.28-1

Um dos meus sítios preferidos da Madeira é o Paul do Mar, uma vila piscatória no extremo ocidente da ilha que, dada a sua localização entrincheirada entre o mar e as falésias, se manteve inacessível por estrada até ao início da segunda metade do séc. XX e que ainda hoje se mantém como um dos lugares mais autênticos e tranquilos da ilha. É, portanto, o poiso perfeito para fugir ao rebuliço do Funchal.

Esta vila surgiu como um importante centro piscatório como comprova o remanescente da antiga fábrica de conservas de atum construída para fins de exportação, os vestígios das salinas existentes e as tradições marítimas ainda activas no pequeno porto piscatório.

2018-05-10 10.57.12

O Caminho Real do Paul do Mar era o antigo caminho de acesso da povoação ao resto da ilha e única ligação das aldeias mais interiores à costa marítima. Constitui assim um autêntico património histórico e é testemunha do isolamento das populações bem como do engenho, da arte e da capacidade para ultrapassar as dificuldades.

2018-05-10 10.57.03

2018-05-10 11.00.48

2018-05-10 11.07.43

Resolvemos percorrê-lo a subir ziguezagueando pela encosta acima. O Caminho tem início no extremo Sul da vila e finaliza nos Prazeres. É um trilho muito fácil de seguir pois está totalmente calcetado em pequenos degraus ondulantes. Tem uma extensão de 1,8 km e ganho vertical de 500 m. Levou-nos aproximadamente 1h30 mas pelo caminho fomos apreciando e descobrindo quedas de água, parando para tirar fotografias a cada curva e imaginando também como seria percorrê-lo antigamente com pesadas cargas às costas.

IMG_3703

2018-05-10 11.59.15

No topo da falésia encontramos socalcos cultivados e terrenos agrícolas rodeados de muros de pedra. Avistamos ao longe a vila do Jardim do Mar e lá em baixo, o Paul.

2018-05-10 12.04.46

2018-05-10 12.13.03

IMG_3727

Normalmente, este caminho é percorrido de cima para baixo, no entanto tínhamos planeado regressar ao Paul do Mar pela Vereda dos Zimbreiros que desce pelo extremo Norte da vila.

Para isso apanhámos uma conveniente boleia dos Prazeres até à Fajã da Ovelha, que nos permitiu saltar uma boa parte do percurso feito em estrada de alcatrão.

2018-05-10 15.49.02

A Vereda dos Zimbreiros oferece ao caminhante um passeio tranquilo sobre a encosta marítima da Fajã da Ovelha, e desce até ao Paul do Mar. O percurso é praticamente todo calcetado com os mesmos degraus ondulantes do Caminho Real e também é bastante inclinado pelo que se recomenda o uso de bastões de caminhada.

2018-05-10 16.15.00

2018-05-10 16.18.11

IMG_3783

Estamos na zona da ilha da Madeira que tem mais Sol durante todo o ano, por isso impera a plantação das tabaibeiras (cacto do figo da índia), que é própria de zonas secas e muito comum nas encostas e falésias desta região da ilha.

IMG_3752

O percurso é todo ele feito com os olhos postos no Paul do Mar e no Atlântico, onde somos recompensados com um mergulho assim que chegamos à cota zero.

2018-05-09 17.48.26

mais aqui

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s