de comboio na China

Quando penso naqueles interrails de verão na Europa ao sabor do vento, lembro-me de ir às estações de comboio tranquilamente perguntar os horários dos comboios e o pior que me podia acontecer era estar 15 minutos numa fila para comprar o bilhete, ou andar a saltitar de guichet em guichet por não me entender com o velhote da bilheteira, ou não haver aquele lugar no comboio nocturno que dava tanto jeito e ter que ir no dia seguinte de manhã…

Ou quando penso nos comboios indianos, tipo: “talvez fosse bom comprar o bilhete com antecedência”, comprá-lo na internet, confirmá-lo, e depois acabar a viajar na classe “sleeper” com 15 pessoas no lugar de 8

Ou aquelas peripécias ferroviárias, daquelas em que está tudo esgotadíssimo nesse dia e em todos os dias seguintes tipo “esquece miúda, para ti não vai haver bilhete nunca”, mas depois de alguma baksheeshverificar que isso se transforma num sorridente “quantos-queres?”…

Ou até mesmo quando penso nestas greves todas da CP e de às vezes ter que fazer cada malabarismo só para chegar a Lisboa…

… Abro o capítulo ferroviário da China e penso: “descansa, estás preparada para tudo…”

Mas isso é, no mínimo, cómico. O melhor é esquecer tudo o que se aprendeu.

Tudo começa com a palavra “esgotado”, que na China ganha todo um novo significado. Para mim “esgotado” queria dizer: deixaste-te dormir! 
Mas não no país mais populoso do mundo.
Na China, o que se passa é que há certos bilhetes que quando são postos à venda (apenas 20 dias antes da viagem), já estão esgotados! Ou seja, há bilhetes virtualmente impossíveis de comprar.

Isto é principalmente para quem viaja com os dias contados e pretende fazer viagens de longo curso, cujas opções alternativas são reduzidas. 
Exemplo: nos comboios para o Tibete. 
O melhor a fazer é pré-reservar (o que implica pagar), com muita antecedência, através de uma agência de viagens na internet e rezar para que os funcionários dessas agências (chinatravelguide.com ou chinahighlights.com) os consigam comprar quando são postos à venda.

Pode dar-se o caso de se comprar um bilhete para um comboio que não existe, pois os horários destes sites não são actualizados em real time. Mas rapidamente são apresentadas alternativas, caso ainda existam.
Por isso, pelo sim pelo não, ponham o despertador mais cedo nesse dia. Pode dar jeito para comunicar com o vosso agente de viagens ferroviárias chinês.
 
Com o “Ticket Pick up Number” já se pode relaxar. 
Depois é só levantar os bilhetes em qualquer estação de comboios chinesa e aproveitar a viagem!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s