Born to Ride

Um dos lugares comuns quando pensamos numa viagem pelo continente americano é a estrada infinita, a comunhão com a paisagem, o vento no cabelo.

E é mesmo assim.

A cultura “easy rider” não existe só nos filmes, aliás, parece é não existir outro modo de viajar nos states que não numa Harley Davidson na companhia de amigos…. ou sozinho.

3 Comments Add yours

  1. Anónimo diz:

    Sem dúvida, apetece voltar à estrada! Depois diz quais os percursos mais interessantes para fazer em duas rodas.
    C.

  2. X diz:

    Digo pois, por aqui não faltam. chamam-se Scenic Byways e dada a quantidade de motards por quem passamos, eu diria que são das preferidas deles.
    O facto de ter havido uma concentração anual de Harley Davidson aqui nas redondezas talvez também tenha tido algo a ver com isso! 🙂

  3. O vento diz:

    Não há como equacionar isso numa próxima viagem…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s