TRAIN MEMORIES: BACKPACKER SHUTTLE

28-Setembro-2009

Em Ollantaytambo esperamos pelo Backpacker Shuttle…. o 1º comboio da viagem e o que nos levará até ao Machu Picchu, uma das maravilhas do mundo…

… estou em pulgas.

Como qualquer train lunatic que se preze, tenho pena de não termos ainda viajado de comboio durante o nosso tempo na América Latina, mas é de facto um meio de transporte em extinção que não consegue competir com os autocarros.
Mas aqui é diferente. O comboio é o único meio de transporte até Aguas Calientes. O desfiladeiro é de tal modo estreito que não há espaço para estradas.

Chegamos às 21h.
A estação está cheia de gente que espera os turistas. Vêem-se placas de hotéis de 5 estrelas, magotes de japoneses baixinhos carregados de malas caras, europeus nas suas roupas de aventura “à lá” Coronel Tapioca e muitos backpackers… Não temos nada marcado por isso aceito o primeiro lugar que oferecem por 15 soles (3.5€)… barato…
Aliás, muito barato… arrependo-me logo depois de pagar… cortinas de veludo empoeiradas a tapar as janelas que dão para um corredor comum… um fio de água no chuveiro… lençóis sujos… um quarto a fazer lembrar os filmes passados na Rússia sobre imigrantes ilegais.

Mas também não vamos dormir muito…
Quem sobe ao Wayna Picchu normalmente está a pé às 4h30….

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s