‘St. Remy de Provence’

9-Agosto-2004, Segunda Feira

Apanhámos um autocarro turístico (só existe de Junho a Setembro) que atravessa o countryside e percorre as estradinhas secundárias que ligam Arles a Avignon passando por povoações como Les Baux e St Remy de Provence.


Saímos em St Remy, que se diz ser a cidade mais provençal da Provence. É uma vila parecida com Arles, mas mais pequenina, mais tradicional. Existe uma cidadela dentro de muralhas e foi por aí que nos perdemos mais uma vez em recantos encantadores.



Dá vontade de fotografar tudo, lojas de tecidos e retrosarias com velhinhas, lojas de livros, lojas de arte e galerias de pintura e escultura… tudo organizado com um bom gosto rigorosíssimo para satisfazer a gula visual do viajante.

Mas St Remy vê-se num instante e algumas horas depois era tempo de reclamar as mochilas tão gentilmente guardadas num hotel ali perto e partir no 2º autocarro para Avignon.

St Remy também está no mapa dos admiradores de Van Gogh uma vez que ele se internou aqui num asilo de livre e espontânea vontade, depois de ter mutilado a sua própria orelha em Arles.
Há um percurso pedestre por toda a cidade através do qual se pode acompanhar um pouco da sua obra e aprender sobre como ela se relaciona com cada local.
Apesar de ter estado num asilo, por vezes deixavam-no sair para ele poder continuar a criar e os entendidos na matéria percebem nos quadros deste período uma grande carga de angústia, ansiedade e agitação.

Cypresses

 Starry Night

Um ano depois, Vincent suicidar-se-ia em Paris no auge do seu génio.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s